Pages

Ads 468x60px

,

quinta-feira, 8 de março de 2012


Seja bem-vindo!
Este blog também é seu.

De forma independente, assumindo a responsabilidade pelos comentários, informações que aqui postarmos, vamos construir um blog participativo, com a ajuda daqueles que, como nós, acreditam em Araporã

Que ele seja mais um instrumento de integração e mobilização de quem ainda acredita que a boa política tem o poder de nos conduzir a uma Araporã melhor. Esperamos que nosso blog não desperte apenas a curiosidade vazia, a crítica sem fundamento.


  Araporã precisa de pessoas com disposição, energia, boas intenções, princípios sólidos, comprometimento ético e, principalmente, necessita nutrir sonhos sem limites.

Um abraço.
Teriovaldo Ferreira Marques



***********************************************************************************
 
UM POUCO DE MIN:

Sou  Teriovaldo D. Ferreira Marques, natural de Araporã nascido em 09 de outubro de 1965, filho de Azorivaldo Ferreira Marques e Terezinha Galé Ferreira Marques. 

Sou pai de família, casado com Francisca de Assis Morais Marques, pai de 03 filhos maravilhosos, Aryadne, Hiorrannes e Horrayas.
Pertenço uma das primeiras famílias que também vieram para Araporã no seu início, e aqui criaram raízes.
 
É com muito orgulho em lembrar que sou neto  do Sr. Azôr Marques de Oliveira, Valdomira Maria de Oliveira, Salvador Galé Aparecida Marques, avós paternos e maternos. Gente que passou por Araporã e só deixou boas recordações daqueles que os conheceram.

Dedico esse trabalho a aqueles que verdadeiramente amam Araporã, a aqueles se sentem injustiçados, explorados e maltratados. A aqueles que querem uma política mais justa, voltada para o social, para a coletividade.

Aproveito este maravilhoso instrumento de comunicação em massa que é a internet, para elogiar, criticar, agradecer e parabenizar pelos  acontecimentos  de nossa cidade.
Falar de Araporã para min., é uma satisfação enorme, é minha terra natal, é algo de preciso, é uma afinidade infinita, é um pedaço de min, não tem como controlar.
 

Lembro-me muito bem da época que aqui ainda era distrito de Tupaciguara, acompanhei e participei de perto os movimentos pro - emancipacionistas, todos tinham na época muita união, muita garra e um só objetivo, a "Liberdade", a separação da chamada Terra Matris Dei ( Terra da Mãe de Deus ), que tanto castigava nos filhos, moradores de Araporã.

A tão sonhada conquista da liberdade, demorou, mas chegou. Chegou com muito trabalho pelas mãos daqueles que acreditavam e empenharam nas busca do tão sonhado objetivo. O mérito foi de todos, não foi de um único personagem. Seria impossível um só personagem fazer acontecer tudo o que aconteceu. 


Nunca na história da humanidade não se viu um só personagem fazer história, fazer as coisas acontecerem. 
Já era tempo de Araporã de ter uma placa comemorativa em homenagem a todos aqueles que engajaram na batalha pela liberdade.

É com muita tristeza que vejo que nada disso até agora não aconteceu.
Os que já morreram, nem são lembrados, e os que estão vivos, além de nem serem lembrados, foram todos escorraçados e enxotados por aquele que hoje sozinho se alto intitula "pai da emancipação de Araporã"
Por isso, vejo que o momento é de falar e não devemos ter medo.

"O que  mais me preocupa, não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais me preocupa é o silêncio dos bons"
- “Para o mal triunfar, basta os homens de bem não fazerem nada...”

Bandeira do movimento pró-emancipação
O SOL NASCE PRA TODOS!
Como o sol nasce para todos, assim também considero que Araporã também nasceu para todos, não pode limitar-se para alguma família ou famílias, grupos de pessoas, entidades, etc. Araporã é de todos nós, assim tem que ser no presente e também no futuro.

Lembro-me muito bem de uma frase de um ex-vereador de Tupaciguara que foi contra a emancipação e assim tentava justificar por que era contra. Ele dizia assim em voz alta pra todos ouvirem: “A emancipação de Araporã só vai servir pra uma meia dúzia de pessoas, o resto vão penar!”

Nunca me esqueci dessa frase, guardo-a até hoje na lembrança, por isso que aqui estou para protestar.
Não quero acreditar o que foi dito há 20 anos pelo ex-vereador foi uma profetização e sim uma falta de controle emocional, uma grande dor de cotovelo

Mas ,pelo jeito que as coisas estão indo, já está acontecendo o que foi profetizado.

Uma só família, se acha por direito mandar em nossa cidade, estão fazendo do poder público, uma extensão  da cozinha, da casa deles. É pai, mãe, filhos, irmão, sobrinhos, cunhado, cunhada, todos engajados de corpo e alma no maldito nepotismo.

Nepotismo por enquanto, ainda não é crime, mas é imoral,  é antiético é uma grande falta de escrúpulo do gestor público.
Araporã já completou seus 18 anos de emancipação, e vejo com pesar o modo que esta sendo gerida.

Infelizmente a coisa chegou ao ponto onde não deviria chegar, mas pode mudar. Não adianta dizer que é posição e ficar calado. 

Oposição é um mal necessário, serve até mesmo para corrigir. O governante na verdade tem de tomar cuidado é com aqueles que o bajulam, pois eles o corrompem.

O que mata um jardim não é o abandono ! O que mata um jardim é esse olhar vazio de quem passa indiferente por ele” ;

A MIRANTE DA VERGONHA

A MIRANTE DA VERGONHA

Blogger templates

VEJA AS HORAS NO MUNDO